Dia Mundial da Alimentação | 10 produções audiovisuais sobre a arte de nos alimentarmos

Se você um dia usou um pouco do seu tempo para pensar sobre sua alimentação, lê e tenta entender os rótulos, busca conhecer os ingredientes, sabe a origem do alimento que consome e tem noção de que suas escolhas diárias fazem parte de um movimento que vai impactar tudo o que é produzido mundialmente, esse texto é para você.

E para você que não é muito ligado nessas coisas, saiba que, como consumidor e parte fundamental da cadeia produtiva dos alimentos, fazer um esforço para saber mais é importante: seja para evitar que indústrias danifiquem o meio ambiente, seja para cobrar mudanças do mercado, ou ainda para fazer escolhas sustentáveis e mais saudáveis.

Por isso separamos oito filmes que podem ajudar a pensar sobre os hábitos alimentares. O objetivo não é trazer regras de alimentação. Mas ajudar a ver a comida para muito além dos pratos e calorias.

Comida S.A. (Food, Inc.,Estados Unidos, 2008), direção de Robert Kenner, documentário, 1h38
Documentário indicado ao Oscar em 2010, traça perfil da criação e abate de animais na indústria de carnes. Mostra como a utilização de hormônios e antibióticos é prejudicial à saúde dos consumidores. Traz depoimentos de pessoas que mudaram seus hábitos alimentares – e sua saúde – e propõe soluções reais.

Cooked (Cooked, Estados Unidos, 2016), direção de Michael Pollan, Isaac Pollan, minissérie com 4 episódios
Michel Pollan é reconhecido ativista da boa alimentação. Nesta produção da Netflix, o jornalista defende que é preciso salvar a tradição de preparar o nosso próprio alimento, e evitar o consumo de industrializados. Ele mostra como cozinhar transforma o mundo.

Cowspiracy: O Segredo da Sustentabilidade (Cowspiracy, Estados Unidos, 2014), direção de Kip Andersen e Keegan Kuhn, documentário, 1h30
Produzido por Leonardo Di Caprio, é importante documentário sobre a indústria agropecuária. Faz várias referências ao Brasil – somos um dos grandes produtores – e questiona como a agropecuária intensiva tem sido ignorada por tantas instituições, já que é uma das principais causas dos problemas ambientais mundiais.

Em Defesa da Comida (In Defense Of Food, Estados Unidos, 2015), direção de Michael Schwarz, documentário, 1h57
Novamente, Michael Pollan: aqui ele investiga os hábitos alimentares do Ocidente e oferece soluções para um futuro mais equilibrado.

Faminto por Mudança (Hungry for Change, Austrália, 2012), direção de James Colquhoun e Laurentine Ten Bosch, documentário, 1h29
É sobre a importância de nos educarmos para podermos ter controle da nossa aparência, da nossa saúde e da nossa vida. ter o controle da nossa aparência, da nossa saúde e da nossa vida.

Food Matters (Food Matters, Austrália, 2008), direção de James Colquhoun e Carlo Ledesma, documentário, 1h30
Dos mesmos produtores de Faminto por Mudança. O filme investiga os impactos do que consumimos sobre a nossa saúde e como podemos fazer escolhas mais inteligentes para vivermos melhor.

Muito Além do Peso (Brasil, 2012,) direção de Estela Renner, documentário
Pela primeira vez na história da raça humana, crianças apresentam sintomas de doenças que antes só existiam em adultos: coração, respiração, depressão e diabetes tipo 2. Todos têm em sua base a obesidade. O longa reflete por que boa parte das crianças brasileiras pesam mais do que deviam.

Super Size Me – A Dieta do Palhaço (Super Size Me, Estados Unidos, 2004 (direção de Morgan Spurlock, documentário, 1h40
O próprio diretor submeteu-se, durante 30 dias, a uma dieta exclusiva de produtos do McDonald’s, nos alertando para os efeitos desse estilo de vida na saúde física e psicológica.

TED Fabio Chaves – Seriam escolhas pessoais se não houvesse vítimas
Fabio Chaves, fundador e infoativista do portal Vista-se, foi convidado para falar sobre alimentação. Como não poderia deixar de ser, o tema foi abordado do ponto de vista das consequências das nossas escolhas em relação à alimentação.

TED Jamie Oliver – Ensinar alimentação a todas as crianças
O chef fez um TED só para chamar atenção às escolhas alimentares dos pequenos.

Paula Azenha é naturóloga, fotógrafa, cinéfila, pós-graduanda em Alimento, Nutrição e Saúde pela Universidade Federal de São Paulo - Campus Baixada Santista. É diretora do Santos Film Fest - Festival Internacional de Filmes de Santos e já integrou equipe de produção de diversos eventos e projetos culturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *