Crítica | Lion: Uma Jornada Para Casa (Lion)

lion-trailer-dev-patel-759

Os dados são alarmantes, chocantes e surgem ao término da projeção. Milhares de crianças se perdem anualmente na Índia. Enfrentam os piores obstáculos: tráfico humano, mendigam, são vítimas de pedófilos. Perdem a vida.

Vez ou outra alguma tem a sorte de ser adotada por uma família decente. Aconteceu assim com Saroo. Quando criança, o garoto se perdeu do irmão mais velho em uma estação de trem. Parou milhares de quilômetros longe de casa.

Na Índia são falados diversos idiomas. Mais de um bilhão de pessoas vivem lá. Tudo levaria a crer num destino cruel.

O surpreendente nessa história verídica é que o garoto foi descoberto por um casal australiano. Que o criou. Vinte anos depois, ele decidiu reencontrar suas origens.

lion-movie

Pesquisa rápida na web entrega o desfecho. O mérito de “Lion” é narrar a jornada de maneira sensível, sem deixar de ser pungente ao denunciar a situação.

E conta com elenco carismático, envolvente. Começando pela revelação Sunny Pawar. O ator mirim indiano interpreta Saroo aos cinco anos.

Dev Patel faz o protagonista na fase adulta. Traz a energia vista nos dois “O Exótico Hotel Marigold” e “Quem Quer Ser Um Milionário?”, que o revelou ao mundo.

Nicole Kidman vive a mãe adotiva e parece ter aceitado a velhice. Muda o cabelo, se transforma, mas se deixa fotografar como é.

lion-dev-patel-rooney-mara-2

Esses dois últimos receberam indicações ao Oscar para ator e atriz coadjuvantes. A nomeação dele a essa categoria é questionável: afinal, é a figura principal da trama. Estratégia dos produtores para conseguir maior visibilidade na premiação.

Há ainda Rooney Mara (“Carol”) em discreta e tocante participação.

Para alcançar o objetivo, Saroo usou o Google Earth. Por vezes, parece estarmos diante de um externo anúncio da empresa – e o diretor Garth Davis vem da publicidade, inclusive premiado em Cannes (não o festival de cinema, mas o de propaganda). Nada que prejudique a obra.

Em seu primeiro longa de ficção, o cineasta confiou no material que tinha em mãos e realizou uma obra singela, inspiradora, socialmente relevante. Durante os letreiros finais somos informados da campanha para que possamos contribuir com a busca por crianças desaparecidas.

Lion: Uma Jornada Para Casa
Lion
AUS/EUA/ING, 2016.
Direção: Garth Davis.
Com Sunny Pawar, Dev Patel, Rooney Mara, David Wenham, Nicole Kidman.
1h58min.


As opiniões embutidas nos textos são dos seus respectivos autores, e não refletem necessariamente a opinião do site ou de seu editor.
André Azenha
André Azenha

Jornalista, crítico de cinema, produtor cultural, assessor de imprensa. Criou o CineZen em 2009. Escreve uma coluna semanal, aos sábados, para o jornal Expresso Popular, colabora quinzenalmente com a Rádio CBN Santos e assina o blog Espaço de Cinema no G1 Santos. Criador e coordenador do Santos Film Fest, CulturalMente Santista - Fórum Cultural de Santos, Nerd Cine Fest. Em 2016 publicou o livro "Histórias: Batman e Superman no Cinema". Já colaborou com sites, revistas e jornais de diversas partes do país. É membro da Abraccine - Associação Brasileira dos Críticos de Cinema. Ministra cursos e palestras sobre crítica de cinema e jornalismo cultural. Realizou 102 sessões de um projeto de cinema itinerante, em Santos.