MIS realiza mostra em homenagem ao crítico Christian Petermann

"O Bandido da Luz Vermelha" integra a mostra.
“O Bandido da Luz Vermelha” integra a mostra.
O Museu da Imagem e do Som, Instituição da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, realiza MOSTRA CHRISTIAN PETERMANN 7 FILMES + 1 em homenagem ao crítico Christian Petermann.  A mostra se dará no aniversário de 1º mês de sua morte e contará com filmes de seu acervo pessoal. A curadoria foi feita pelo Sergio Rizzo, Tuna Dwek e Guilherme Pinkalsky.

Segundo André Sturm, diretor executivo do MIS, a retrospectiva exibirá filmes que representam o paladar eclético de Petermann que, frequentador voraz de salas de cinema desde a infância, apreciava desde a tradição clássica europeia e norteamericana até as vanguardas de rara exibição comercial no Brasil. “Christian Pertermann foi um crítico generoso, atento e competente. Sempre interessado em informar e cheio de energia. Faremos uma pequena homenagem para celebrar a lembrança deste amante do cinema e das pessoas”, concluí.

A mostra ganhou o título de “7 filmes + 1” pois o crítico era conhecido por uma superstição com o número sete, por isso a brincadeira. No sábado (dia 4), às 18h, seus amigos farão um tributo público à memória dele, para o qual todos os admiradores do seu trabalho estão convidados.

O crítico de cinema Christian Petermann faleceu, aos 49 anos, no dia 3 de maio de 2016, em São Paulo. Em seus 30 anos de trajetória como crítico de cinema, foi um dos sócio-fundadores da Associação Brasileira dos Críticos de Cinema (Abraccine), participou do programa “Todo Seu”, da TV Gazeta, além de escrever na revista “Rolling Stone”. Também foi colaborador da revista “Set” e do Guia do jornal “Folha de S.Paulo. No MIS, além de parcerias em exposições e mostras de cinema, foi professor no curso Cinema Marginal: Aspectos e Reflexos realizado em 2014.

Confira a programação completa:

Sexta (03/06)
19h O Bandido da Luz Vermelha (Brasil, 1968)
O Bandido da Luz Vermelha é um filme brasileiro de 1968, do gênero policial, dirigido por Rogério Sganzerla. Inspirado nos crimes do famoso assaltante João Acácio Pereira da Costa, apelidado de “Bandido da Luz Vermelha”. Este filme é considerado um clássico do cinema marginal. Sganzerla tinha 22 anos quando o dirigiu.

21h Palavras ao Vento (EUA, 1956)
 Kyle Hadley (Robert Stack), playboy alcoólatra herdeiro de uma grande companhia petrolífera, tem uma difícil relação com o pai, Jasper Hadley (Robert Keith). Seu melhor amigo é Mitch Wayne (Rock Hudson), funcionário de confiança de Jasper. Kyle e Mitch se apaixonam por Lucy Moore (Lauren Bacall) e o primeiro acaba casando-se com ela para tristeza do Mitch, que além de lidar com a desilusão amorosa ainda tem de fugir do pesado jogo de sedução de Marylee Hadley (Dorothy Malone), irmã de Kyle.

Sábado (04/06)
16h O Casamento de Maria Braun (Alemanha, 1979)
Em meio a Segunda Guerra Mundial, Maria (Hanna Schygulla) se casa com Hermann Braun (Klaus Löwitsch), um soldado alemão. Ele desaparece em combate, mas Maria se recusa a acreditar em sua morte. Trabalhando num cabaré, ela se envolve com um soldado norte-americano, até que o marido reaparece e o amante é acidentalmente assassinado. Hermann assume a culpa e vai para a cadeia, enquanto Maria vai trabalhar com Karl Oswald (Ivan Desny) e logo se torna uma poderosa mulher de negócios.

18h Cerimônia de homenagem a Christian Petermann

19h Pink Flamingos (EUA, 1972)
Pink Flamingos é um longa-metragem americano de baixo orçamento, escrito e dirigido por John Waters, lançado em 1972 no circuito underground, onde alcançou notável sucesso e tornou-se ícone do cinema bizarro. O filme conta a trajetória da drag queen Divine e sua família na competição contra o casal Connie e Raymond Marble pelo título de “pessoas mais sórdidas do mundo”, insensatamente almejado. Com um pé no exploitation, essa comédia / horror B encontrou no contexto político da época um público, pequeno mas representativo, que a admirasse, formado por adolescentes e universitários que viam na obra uma voz da Contracultura.

21h Star Trek (EUA, 2009)
 Star Trek é um filme de ficção científica estadunidense de 2009 dirigido por J. J. Abrams e escrito por Roberto Orci e Alex Kurtzman. É o décimo primeiro filme da franquia Star Trek e apresenta os personagens da série original de Star Trek interpretados por um novo elenco. O filme segue James T. Kirk, Spock e o Dr. Leonard McCoy a bordo da nave estelar USS Enterprise enquanto eles lutam contra Nero, um romulano do futuro que ameaça destruir toda a Federação Unida dos Planetas. A história se passa em uma realidade alternativa devido a viagem no tempo de Nero e do Spock original. A realidade alternativa foi criada para liberar o filme das restrições de continuidade já estabelecidas da franquia.

Domingo (05/06)
15h Crepúsculo dos Deuses (EUA, 1950)
Crepúsculo dos Deuses é um filme de 1950, do gênero drama noir, dirigido por Billy Wilder. Seu título original (Sunset Boulevard) é o nome da rua homônima que atravessa as cidades de Los Angeles e Beverly Hills, na Califórnia. O filme é estrelado por William Holden como o roteirista azarado Joe Gillis, e Gloria Swanson como Norma Desmond, uma decadente atriz da era do cinema mudo que atrai Gillis para seu mundo fantasioso no qual ela sonha em fazer um triunfante retorno às telas. Aclamado por vários críticos na época em que foi lançado, Crepúsculo dos Deuses foi indicado para onze Oscars, tendo recebido três.

17h Os Pássaros (EUA, 1963)
Os Pássaros é um filme norte-americano de 1963, do gênero de suspense, dirigido por Alfred Hitchcock. É baseado num conto de mesmo nome, da escritora britânica Daphne Du Maurier. Melanie Daniels (Tippi Hedren), uma jovem da cidade de São Francisco, vai até uma pequena cidade isolada da Califórnia chamada Bodega Bay, atrás de um potencial namorado: Mitch Brenner(Rod Taylor).

19h Antes da Meia-Noite (2013)
Nove anos após os eventos de Antes do Pôr-do-sol, Jesse (Ethan Hawke) e Celine (Julie Delpy) vivem juntos em Paris, ao lado das filhas gêmeas que tiveram. Ele busca sempre manter contato com Hank (Seamus Davey-Fitzpatrick), o filho adolescente que teve com a ex-esposa e que vive em Chicago com a mãe. Quando o casal resolve ir à Grécia com as filhas, Jesse decide também convidar Hank para a viagem. Neste contexto, Jesse segue tentando se tornar um romancista de sucesso, enquanto que Celine considera seriamente a possibilidade de aceitar um emprego junto ao governo francês.

Serviço:
MOSTRA CHRISTIAN PETERMANN – 7 FILMES + 1
HORÁRIO consultar programação
LOCAL Auditório MIS (172 lugares)
INGRESSO Gratuito (retirada com 1h de antecedência na bilheteria do MIS)
CLASSIFICAÇÃO livre

 Museu da Imagem e do Som – MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo | (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br
Estacionamento conveniado: R$ 10. Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.


O CineZen é um site independente sobre cinema, DVD e Blu-ray, TV e eventualmente literatura, quadrinhos, teatro, música e artes plásticas, lançado em 29 de março de 2009. Tem o objetivo de informar, analisar obras e cobrir eventos dessas áreas (com atenção para a Baixada Santista), prestar serviços e atuar no incentivo ao cinema nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *