Festival de Cinema de Roterdã tem presença brasileira

roterda-cinezen

A 45ª edição do Festival Internacional de Cinema de Roterdã, na Holanda, começou nesta com uma extensa programação. Serão exibidos mais de 200 longas e 200 curtas e meias-metragens até 7 de fevereiro.

O Brasil mais uma vez estará representado no festival, este ano com quatro longas-metragens, um média e um projeto.

Na principal mostra competitiva, “A Cidade onde envelheço”, de Marília Rocha, é um dos oito concorrentes na disputa pelo Prêmio Tiger. O longa faz sua estreia mundial no Festival no dia 4 de fevereiro.

Marília Rocha dirigiu os filmes “Aboio” (2005), melhor filme no Festival É Tudo Verdade; “Acácio” (2008); e “A falta que me faz” (2009), melhor filme no Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo.

Na Mostra Bright Future, que exibe filmes de realizadores que estejam no máximo em seu segundo longa, concorre “Animal Político”, primeiro longa de Tião, já premiado duas vezes em Cannes com os curtas “Muro” e “Sem Coração”.

Os dois filmes foram selecionados para o Festival após seu curador, Gerwin Tamsma, assistir aos filmes no Programa Encontros com o Cinema Brasileiro da ANCINE.

O longa documentário, “Waiting For Beyoncé”, de Abigail Spindel e Paulo Cesar Toledo, também será exibido em Roterdã na Mostra Scopitone. O filme conta a história dos fãs brasileiros apaixonados pela cantora Beyoncé, que fazem tudo para vê-la de perto.

Para a Mostra Big Screen Award, que premia longas para serem distribuídos na Holanda, concorre “Califórnia”, de Marina Person.

O média-metragem “São Paulo com Daniel”, de Deborah Viegas e Nicolas Thomé, está na Mostra As Long As It Takes. O filme recebeu dois prêmios em 2015 na VII Semana dos Realizadores.

Já o projeto “Sick Sick Sick”, produzido por Matheus Peçanha, será o representante brasileiro no mercado de coprodução do Festival, o Cinemart.

Para mais informações, acesse o site do Festival de Cinema de Roterdã.

Formado em Jornalismo na UniSantos em 1999, atuou como repórter e também como editor de revistas segmentadas nas áreas de Construção, Transporte, Indústria e Automação Industrial. Também trabalhou em Assessorias de Imprensa nas áreas de Cultura e Negócios. Viciado em Música (mais do que em Cinema - foi mal, André, rs...) e em revistas (de todos os tipos). Nas horas vagas, ataca de baterista de banda de rock. Contato: redacao.cinezen@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *