Poe e Hitchcock são temas de curso em São Paulo

A partir do dia 16 de janeiro, a Casa Guilherme de Almeida realizará um curso com foco no escritor Edgar Allan Poe e no cineasta Alfred Hitchcock, em São Paulo (SP). O curso será ministrado por Ricardo Vassoler e Donny Correia aos sábados, nos dias 16/01, 13/02, 20/02 e 05/03, das 14h às 17h. A entrada é gratuita. A casa pertence à Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

Será realizada uma análise das obras e características principais desses dois grandes nomes do suspense e do terror, com ênfase em aspectos análogos entre eles. Como, por exemplo, os que conduzem cada leitor e espectador em meio a tramas que se articulam, com vistas a um desfecho previamente determinado e potencialmente dedutível, no caso de Poe; ou a partir de dilemas iniciais que ensejam o curso narrativo subsequente, no caso de Hitchcock.

Serão oferecidas 40 vagas. Para realizar a inscrição, o interessado deve preencher um formulário online no site www.casaguilhermedealmeida.org.br

O curso

O modo pelo qual Edgar Allan Poe analisou seu poema “O Corvo” no ensaio “A Filosofia da Composição” (1845) apresenta importantes pressupostos para se entender a forma de sobreposição poética dos elementos que compõem as tramas de suas estórias.

Uma vez que as narrativas são concebidas do fim para o princípio, todos os elementos anteriores ao desfecho devem prenunciar o término da estória. Nesse sentido, o leitor passa a ser um aspirante a detetive para deduzir a autoria de “Os crimes da Rua Morgue” (1841), por exemplo.

Da mesma forma, os filmes “A tortura do silêncio” (1953), “Psicose” (1960) e “Festim diabólico” (1948), de Alfred Hitchcock, também fazem do espectador um investigador potencial, de modo a se estabelecer um diálogo entre o princípio de montagem cinematográfica e a composição poética dos contos de Poe.

Serviço
Casa Guilherme de Almeida Anexo
Rua Cardoso de Almeida, 1943, São Paulo (SP)
Tel.: 3673-1883

Formado em Jornalismo na UniSantos em 1999, atuou como repórter e também como editor de revistas segmentadas nas áreas de Construção, Transporte, Indústria e Automação Industrial. Também trabalhou em Assessorias de Imprensa nas áreas de Cultura e Negócios. Viciado em Música (mais do que em Cinema - foi mal, André, rs...) e em revistas (de todos os tipos). Nas horas vagas, ataca de baterista de banda de rock. Contato: redacao.cinezen@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *