O Doador de Memórias

O sucesso de “Jogos Vorazes”  rendeu outra franquia adolescente futurística, “Divergente”. E agora este que tem assinatura dos irmãos Weinstein e produção de Jeff Bridges, que também atua. Dirigido por Phillip Noyce (“Salt”), repete o formato das demais: coloca atores jovens em meio a veteranos, garantindo certa qualidade na atuação – exceto Katie Holmes, sempre insossa, e Meryl Streep, que aderiu à persona megera e parece não fazer esforço para tanto. Ainda que evoque as séries citadas acima, e outros filmes essenciais como “1984” e “Admirável Mundo Novo” – ou seja, não traz ideias novas -, mantém o interesse e diverte.

3,5 estrelas em 5.

Estreia no Brasil: 11/09/2014.

André Azenha
Jornalista por formação, crítico de cinema, produtor cultural, pesquisador, curador, assessor de imprensa. Criou o CineZen em 2009. Colaborou com críticas semanais nos jornais Expresso Popular e quinzenais no jornal A Tribuna. Colabora semanalmente com a Rádio Santos FM. Escreveu entre 2012 e 2017 para o blog Espaço de Cinema no G1 Santos. Criador e coordenador do Santos Film Fest - Festival Internacional de Filmes de Santos, CulturalMente Santista - Fórum Cultural de Santos, Nerd Cine Fest e PalafitaCon. Em 2016 publicou o livro "Histórias: Batman e Superman no Cinema". Já colaborou com sites, revistas e jornais de diversas partes do país. Realizou 102 sessões de um projeto de cinema itinerante. Atualmente participa do projeto Hora da Cultura, pela Secult Santos, levando sessões de filmes e bate-papos às escolas da rede municipal. Mestrando em Comunicação pela Universidade Anhembi Morumbi. Escreveu sobre cinema para sites, jornais e revistas de Santos, São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Limeira e Maceió. www.facebook.com/andreazenha01

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *