O Bode Espiatório

bodeO candidato mais cotado para assumir a presidência da Câmara dos Deputados em 2013 e apoiado até pela Presidência da República, teria muito a explicar se as coisas fossem levadas a sério e se as práticas políticas não se enredassem com todos os tipos de crimes imagináveis e geralmente inimputáveis… A eles.

Descobriu-se, agora, que uma empresa de fachada, pertencente a um dos “assessores” do dito representante popular, recebeu seis milhões de reais em dotações orçamentárias, através de “emendas” propostas pelo tal parlamentar. É pra lamentar!

Durante a investigação a polícia encontrou a sede da “empresa”, que era composta por uma pequena sala, uma mesa e um computador.

Para sua desventura, foi encontrado no local o “Galeguinho”, um bode de estimação da vizinhança. O animal já está preso, amarrado a uma árvore e aguarda julgamento, provavelmente pelos crimes de curiosidade e conhecimento das falcatruas praticadas, tendo como elo o local onde ele foi detido.

O representante legal do estado pensa até em denunciar o bicho por co-participação no desvio de verbas federais, o que levará, se condenado, a ser internado na moderna penitenciária privada, já em funcionamento em Belo Horizonte.  Restará então a dúvida sobre os custos dessa internação, pois dos presos humanos a empresa cobrará do estado, dois mil e oitocentos reais mensais e pela internação do bode espiatório, não se sabe ainda quanto seria cobrado.

A (SDDHAEP) Sociedade de Defesa dos Direitos Humanos dos Animais Envolvidos com Política pensa em contratar um dos mais famosos escritórios de advocacia do país – especializado em defender os indefensáveis – com a finalidade de preparar as alegações necessárias para que esse animal, assumindo a culpa, possa contar com a benevolência do julgador e tenha a pena minimizada, sendo condenado – como bode espiatório – a tomar conta de ranários pertencentes a algum político de moral ilibada.

A curiosidade às vezes mata e às vezes acaba na cadeia.

2 thoughts on “O Bode Espiatório

  1. Gama, suas crônicas mordazes e bem tecidas, ironia no ponto certo e… DENÚNCIA, INCONFORMISMO com a situação política escandalosa!
    BOM DE LER! BOM DE SE INFORMAR!…
    Obrigada!
    Abs,
    Regina

    QUE SAUDADE!

  2. Saudades, também, minha amiga Regina.
    Não há como agradecer, além da leitura e da análise fraternal, o incentivo constante, que é o caminho da continuidade desse meu trabalho.
    Apoiado assim, dá mesmo gosto escrever.
    Obrigado!
    Fraterno abraço, Madrinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *