Festival de Berlim 2012 | Os premiados

Os italianos Vittorio e Paolo Taviani com o Urso de Ouro, por “Cesare Deve Morire”

Em cerimônia realizada na noite deste sábado (18), o Festival de Berlim 2012 revelou os filmes da mostra competitiva premiados pelo Júri Internacional, presidido pelo cineasta britânico Mike Leigh.

O Urso de Ouro de Melhor Filme foi para “Cesare Deve Morire”, dos veteranos irmãos italianos Paolo e Vittorio Taviani, 83 e 85 anos, conhecidos por clássicos como “Pai Patrão” (Palma de Ouro em Cannes/1977) e “A Noite de São Lourenço” (Grande Prêmio do Júri em Cannes/1982).

O filme é um docudrama que acompanha o processo criativo da montagem de “Julio Cesar”, de Shakespeare, por detentos da penitenciaria de segurança máxima de Rebbibia, em Roma.  “É o nosso prêmio mais importante, porque este filme é diferente dos outros que fizemos”, disse Paolo Taviani na coletiva de imprensa dos ganhadores.

“Para nós, era essencial que o filme fosse visto aqui, um festival preocupado com os problemas sociais do mundo. Trabalhando na prisão, é fácil falar de liberdade, de tirania e de assassinato. Para nós na Itália, ‘Julius Caesar’, de William Shakespeare, é uma obra muito atual”, emendou o diretor.

A coprodução luso-brasileira “Tabu”, de Miguel Gomes, ganhou o Prêmio Alfred Bauer, concedido aos concorrentes que investem na experimentação artística. O cineasta dedicou a vitória aos grandes diretores portugueses, de Manoel de Oliveira a João César Monteiro, passando por Pedro Costa.

O documentário brasileiro “Licuri Surfe” , de Guile Martins ganhou uma menção especial do Júri Internacional da mostra competitiva de curtas-metragens.

Prêmios do Júri Internacional de Curtas-Metragens

Menção Especial – “Licuri Surfe”, de Guile Martins

Urso de Prata como Prêmio Especial do Júri – “The Great Rabbit”, de Atsushi Wada

Urso de Ouro para Melhor Filme – “Rafa”, de João Salaviza

Prêmio de Melhor Filme de Estreia entre selecionados para Competição, Panorama, Fórum, Generation e Perspektive Deutsches Kino

Menção especial para filme da mostra Forum – “Tepenin Ardi”, de Emin Alper

Melhor Filme de Estreia – “Kawboy”, de Boudewijn Koole

Prêmios do Júri Internacional

Menção Especial – “L’Enfant d’en Haut”, de Ursula Meier

Prêmio Alfred Bauer em memória do fundador do festival – “Tabu”, de Miguel Gomes

Urso de Prata para melhor contribuição artística nas categorias fotografia, edição, trilha sonora, figurino ou cenografia

Melhor fotografia – Lutz Reitmeier, pelo filme “Bay Lu Yuan”

Urso de Prata de Melhor Roteiro – Nikolaj Arcel e Rasmus Heisterberg, por “A Royal Affair”

Urso de Prata para Melhor Atriz – Rachel Mwanza, por “The War Witch”

Urso de Prata para Melhor Ator – Mikkel Boe Foslgaard, por “An Royal Affair”

Urso de Prata para Melhor Diretor – Christian Petzold, por “Barbara”

Urso de Prata como Grande Prêmio do Júri – Just The Wind, de “Bence Fliegaulf”

Urso de Ouro de Melhor Filme – “Cesare Deve Morire”, de Paolo e Vittorio Taviani

 

O CineZen é um site independente sobre cinema, DVD e Blu-ray, TV e eventualmente literatura, quadrinhos, teatro, música e artes plásticas, lançado em 29 de março de 2009. Tem o objetivo de informar, analisar obras e cobrir eventos dessas áreas (com atenção para a Baixada Santista), prestar serviços e atuar no incentivo ao cinema nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *