Conheça os autores presentes no livro Coletânea CINEZEN | Vol. 1

Conheça os autores presentes no livro “Coletânea CineZen | Vol. 1”, em ordem alfabética:

Adriano Mello Costa: Apaixonado por Cultura Pop. Mantêm o site Coisa Pop (www.coisapop.blogspot.com) há cinco anos, filho bastardo do antigo Cultura Direta, que hoje hiberna tranquilamente. Acha o R.E.M a melhor banda do mundo (depois dos Beatles, lógico). É viciado em cervejas escuras, pães e bandas de rock com mulheres no vocal. No mais, acredita que tudo pode sempre ser melhor do que já é… Email: adrianorem@hotmail.com.
.
.

André Azenha: Jornalista, crítico de cinema, editor do www.cinezen.net e do CulturalMente Santista (santoscultural.net). É formado em Roteiro pela Escola de Cinema de São Paulo. Foi repórter e colunista de sites, revistas e jornais de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Alagoas. Desde 2007 é repórter da Veja Litoral Paulista. Em 2008, publicou seu primeiro livro, “Poesia a Quatro Mãos”, escrito em parceria com sua mãe e poetisa Regina Azenha. Trabalhou com o crítico de cinema Rubens Ewald Filho entre 2008 e 2009. Em 2011, fez críticas de filmes para a revista Época São Paulo. No mesmo ano, passou a assinar colunas semanais no portal do Curta Santos e no Jornal da Orla. Mediou o ciclo Documentários Comentados, no Sesc Santos. Participa de e organiza ciclos de cinema e eventos culturais. Colabora com a revista literária Mirante e o Clube de Poetas do Litoral. Também é assessor de imprensa: atuou em agências de comunicação de São Paulo de 2008 a 2011. Em 2009, assessorou a Feira Música Brasil, maior evento do gênero na América Latina, ocorrido no Recife. Criou o CineZen em março de 2009 e no ano seguinte passou a organizar do “CineZen Convida”, com o objetivo de estimular a discussão e a produção cultural. Em 2011, lançou o site CulturalMente Santista, que visa criar um registro jornalístico, na internet, da memória cultural de Santos e região. Atualmente é assessor de imprensa do Cine Roxy e da Realejo Edições. Email: editor.cinezencultural@gmail.com.
.

Argemiro Antunes, o Miro (AUTOR DA CAPA DO LIVRO), 70 anos, artista plástico, desenhista, cartazista, chargista, cinéfilo. Iniciou a carreira em 1967, quando fez cartazes e folhetos para o Clube de Cinema de Santos, estimulado pelo presidente da instituição e grande amigo, Maurice Legeard, criador da Cinemateca da cidade e com quem desenvolveu importante parceria para a cultura da Baixada Santista. Sua obra é toda baseada no cinema, em especial o cineasta Glauber Rocha. Colaborou com o Pasquim, publicando textos, cartuns, fotopotocas, charges, notas, etc, até o fim do jornal. Também colaborou com os jornais O CartazEnsaio, A Imprensa de CubatãoO Petroleiro e a revista De Olho na Tela. Em 1983, participou da mostra “Dois Anos Sem Glauber”, quando foram exibidos os filmes “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, “Terra em Transe” e “A Idade da Terra”. No ano seguinte, expôs 40 trabalhos sobre Glauber com o título “A Grandeza do Dragão”, no Sindicato dos Petroleiros. Este trabalho foi doado para o “Tempo Glauber”. Dois anos depois, por iniciativa de Lúcia Rocha, parte das obras doadas integrou a mostra no SESC Pompeia (São Paulo). A exposição viajou por várias capitais. Realizou outras exposições memoráveis, entre elas: “A Maior História do Cinema Francês” (1988), promovida pela Cinemateca de Santos, na Cadeia Velha; “O Poderoso Chefão”, em homenagem aos 10 anos da morte de Maurice, organizada por Nivio Mota, no Museu da Imagem e do Som (MIS); e “Maurice & Miro, 40 Anos de Parceria” (2008), na Universidade Santa Cecília, com apoio do Cineclube Lanterna Mágica. Email: antunes.miro@gmail.com.

Edu Fernandes: Nascido em 1983 em São Paulo,  é formado em Audiovisual pela ECA-USP, com especialização em Crítica. Desde 2005 escreve críticas para sites, blogs e revistas (como Rolling StoneMovie e SET). Atualmente colabora com o UOL Cinema, mantém o blog Cine Dude  (www.ocinedude.blogspot.com) e apresenta o programa “Take Único” (AllTV). Email: cinedude@gmail.com.
.
.

 

Jean Pierre Paneque Garnier é jornalista, nascido em São Paulo, bacharel em Propaganda e Marketing e Comunicação Social. Assiste a todo tipo de filme e geralmente odeia as resenhas que escreve. Adora rock – principalmente Beatles, Clash, Red Hot Chili Peppers, Cramps e New Order – e já trabalhou para diversos sites e blogs sobre cinema e música. Email: caper99@gmail.com.
.
.
.
.
.

Madeleine Alves é formada em Letras na Católica UniSantos e cursa Habilitação em Artes Visuais. Em 2008, após participar de uma Oficina de Produção Cinematográfica, fundou, com amigos, o Grupo de Estudos Contra Mão de Cinema, cujas atividades visam estudar e produzir audiovisual profissional na Baixada Santista. O primeiro curta-metragem com sua direção, “Ilusionismo”, foi lançado em 2011 e premiado pelo público no Curta Santos. Assina o blog Signos Possíveis. Contato: madmione@gmail.com.
.
.
.
.

 

Marcelo Costa é um leonino do segundo decanato com ascendente em touro apaixonado por cervejas belgas, cachaças mineiras, picanha ao ponto, mixto quente com salada e bacon, pipoca do Cinemark e tortinhas de morango.  Editor do Scream & Yell (www.screamyell.com.br), coordenador de capa do iG, DJ eventual, cozinheiro de fim de semana e centroavante nos moldes do grande Geraldão. Escreve sobre romances e cultura pop. Email: screamyell@gmail.com.
.
.
.
.
.


Marcelo Rayel
 (nascido Marcelo Rayel Correggiari, em 09 de janeiro de 1971, na Casa de Saúde de Santos-SP) é Bacharel em Letras com Habilitação em Tradução pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade Católica de Santos, além de estudos de fonética de língua inglesa em disciplina isolada da pós-graduação da Faculdade de Letras (FaLe) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atua como tradutor freelancer e também para agências de tradução como a D-Lang Assessoria Linguística, Bureau Translations, Language Associates e Intellibiz Traduções Empresariais. É professor de língua inglesa e coordenador de conteúdo para mídias sociais da escola de inglês The House. Atuou também na Skill (Santos-SP), Yázigi, Global Value Solutions, Vöest Alpine Industries, Federação da Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) e Centro Universitário Newton Paiva (todas essas últimas na cidade de Belo Horizonte-MG). Participou também dos pre-services das Culturas Inglesas de São Paulo e Belo Horizonte. Recentemente teve dois de seus contos publicados na revista literária Mirante: Fósseis pela Boca (edição 74) e Progresso (edição 75). Morador da Vila Belmiro desde novembro de 1980, não se recorda da data exata de quando começou a escrever contos. Apenas que já faz bastante tempo. É cronista do blog Pela Proa e é crítico de literatura no blog Literaturialalém de assinar a coluna Água Marinha para os portais @Campinas (por favor, coloque o seguinte link:  e @Itu. Atualmente, é membro do Conselho Municipal de Cultura de Santos (o Concult) de Livro e Literatura para o biênio 2011/2012.

Marcus Morais Tem 26 anos, e escreve desde os oito. Começou com pequenos textos fictícios, partindo para os diários na adolescência (já teve mais de cinco), tornando-se admirador de poesia no começo da vida adulta, sendo esta uma das áreas a que mais se dedica quando o assunto é escrever, além de histórias sobre o cotidiano com um foco humanista. Gosta de cantar (já cantou desde em bandas de rock até em corais e quartetos de música sacra), ouvir música (o tipo varia, dependendo da ocasião), ler e praticamente tudo o que tenha ligação com a arte. Email: marcusvsmorais@yahoo.com.br

.

 

Pergentino Júnior, nascido em Guarulhos, São Paulo, escreve desde 2008, não tem influencias literárias, usa sempre suas próprias métricas e regras, escreve não para se tornar conhecido, mas sim para dividir seu conhecimento! Mais sobre sua obra em
http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=88774 e no blog Poética Colorida com as Cores da Vida (http://blogs.abril.com.br/pjunior). Email: juniornovaamizade@hotmail.com.
.
.
.

 

Regina Célia A. Azenha é santista e faz poesia desde criança. Escreveu três livros: “Mulher: Amor e Poesia”, em 1986 (pelo qual ganhou o prêmio Robalo de Ouro Brasil 1989),  “Fragmentos & Mutações”, em 1997 e “Poesia a quatro mãos” (2008), realizado em parceria com seu filho André. É admiradora do poeta e escritor J. G. de Araújo Jorge, e de autores como Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meirelles, Paulo Leminski, Mário Quintana, Fernando Pessoa, José Saramago, entre outros tantos. Entre os novos poetas, Pergentino Jr, poeta de Guarulhos muito talentoso, além dos santistas Valdir Alvarenga, Guida Linhares, Edilza de Souza Fernandes e Paulo Schiff.  Amante da música, teve uma composição classificada entre as dez finalistas de um festival. Na Bienal do Livro do Sesc-Santos, “Mulher: Amor e Poesia” foi um dos livros mais vendidos entre os autores independentes. Amante das artes, atualmente exerce a atividade de artesã. Parte de seu trabalho pode ser conferido no blog reginapoeta.blogspot.com. No CineZen, estará colaborando com poemas, crônicas, textos sobre os filmes que é apaixonada e apontando poetas que estejam despontando na cena literária. reginaazenha@gmail.com.

 

Ricardo Chapola estagia no jornal O Estado de S.Paulo, na editoria Nacional, onde participou da cobertura das eleições presidenciais de 2010, condecorada com o primeiro lugar do prêmio Estadão 2010 na categoria Cobertura. Desde 2008, Ricardo é cronista do jornal Já!, de Araras-SP. Natural da cidade do interior, mora em São Paulo desde 2008 e cursa o último ano de jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie. Escreve crônicas sobre o cotidiano, publicadas também em seu blog www.ricardochapola.wordpress.com. Email: ricardochapola@gmail.com.

 

Ricardo Flaitt é jornalista e estudante de História. Assessor de imprensa da Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, editor do jornal online Diário de Mococa (www.diariodemococa.com.br) e colunista do site Tricolor Paulista.Net. Ou seja, um verdadeiro equilibrista de pratos… Em breve lançará seu primeiro livro de poesias, O Domesticador de Silêncios”, pela Circus Produções Culturais. Na área literária foi duas vezes premiado no Mapa Cultural Paulista, evento promovido pela Secretaria Estadual da Cultura, sendo: 1º lugar na categoria Composição Musical, com a letra “Meridianos”; e 2º lugar na categoria Literatura – Poesia, com o poema “O Domesticador de Silêncios”. A paixão pelo cinema se dá pela fusão de todas as artes nas telas… Email: ricardo.flaitt@diariodemococa.com.br.

 

Sérgio Vaz é jornalista (Jornal da Tarde, revista Afinal, Agência Estado, Marie Claire, Agência Estado de novo, estadao.com.br, Estadão, muitos frilas), leitor de jornais, internet e livros, assistidor de filmes, ouvinte de música, e brinca de fazer os sites 50 Anos de Filmes (www.50anosdefilmes.com.br) e 50 Anos de Textos. Email: sergiovaz50@terra.com.br.
.
.

 

Tatiane Matheus, jornalista,  é repórter no jornal O Estado de S. Paulo, onde trabalha desde 2004. Santista, que não consegue viver muito tempo longe da praia, vive entre Santos e São Paulo. Apaixonada por História, estuda Política e Relações Internacionais. Seus autores favoritos são Zygmunt Bauman e Eric Hobsbawm, além de gostar dos filmes do Woody Allen. Já trabalhou em TV e até produziu um curta-metragem, mas, apesar de ter feito alguns cursos sobre cinema, decidiu ser apenas uma observadora. Afinal, o que não falta neste mundo é crítico de cinema (bom e ruim). Email: tatiane.matheus@gmail.com.

 

Waldemar Lopes: É artista plástico, engenheiro mecânico, professor, cinéfilo. Anualmente realiza em Santos uma palestra beneficente sobre o Oscar, que se tornou tradicional na cidade. Também já realizou encontros sobre cinema para a Universidade Católica de Santos, Universidade Monte Serrat, Secretaria de Cultura de Santos e Rotary. Escreve para o Cinezen Cultural e 50 Anos de Cinema. Email: waldemarlopess@yahoo.com.br.
.
.

O livro será lançado dia 20, sexta, a partir das 19h, no Almanaque (Av. Bartolomeu de Gusmão, 88, em frente ao Posto 6 da praia). A noite terá exibição de curta-metragem, exposição de fotos, apresentação musical e sorteio de brindes (para quem adquirir o livro no dia). O projeto é um oferecimento do Bar O Almanaque, Gastronomia, Cultura e Arte, do Bar do Rica e tem apoio da Vídeo Paradiso.

O CineZen é um site independente sobre cinema, DVD e Blu-ray, TV e eventualmente literatura, quadrinhos, teatro, música e artes plásticas, lançado em 29 de março de 2009. Tem o objetivo de informar, analisar obras e cobrir eventos dessas áreas (com atenção para a Baixada Santista), prestar serviços e atuar no incentivo ao cinema nacional.

2 thoughts on “Conheça os autores presentes no livro Coletânea CINEZEN | Vol. 1

  1. André, querido, só gente boa! Já sabe o preço do livro? Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *