Bryan Singer não é mais o diretor de X-Men: First Class

O cineasta Bryan Singer, que seria diretor do filme “X-Men: First Class”, desde anúncio em dezembro, será somente produtor do longa, divulgou o estúdio 20th Century Fox.

Singer dirigiu os dois primeiros filmes da franquia mutante.  O novo “First Class” vai abordar os personagens mais novos, em suas primeiras aulas na escola de mutantes de Charles Xavier.

De acordo com o site “DeadLine”, a razão da saída da direção, é que a Fox gostou tanto do roteiro que Jamie Moss escreveu, com conceito original de Singer, que o estúdio quer o filme já–planejado para 2011, como a primeira parte de uma trilogia.

O problema é que há conflitos de agenda para o cineasta, envolvido também com a pré-produção do filme em computação gráfica baseado em conto de fadas “Jack the Giant Killer”, com a Warner Bros. Este deve começar filmagens em breve, com provável versão 3D.

A Fox agora negocia com outros diretores para “First Class”.

A Warner foi mais rápida em conseguir Singer para seu filme, assim como com “Superman Returns”, quando a Fox demorou para fechar com Singer a direção de “X-Men – O Confronto Final” – que ficou sob direção de Brett Ratner.

O recente “X-Men Origins: Wolverine” (2009) também ficou para outro diretor, Gavin Hood.

O CineZen é um site independente sobre cinema, DVD e Blu-ray, TV e eventualmente literatura, quadrinhos, teatro, música e artes plásticas, lançado em 29 de março de 2009. Tem o objetivo de informar, analisar obras e cobrir eventos dessas áreas (com atenção para a Baixada Santista), prestar serviços e atuar no incentivo ao cinema nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *