Propriedade Privada

propriedadePropriedade Privada (Nue Propriété, Luxemburgo / Bélgica / França, 2006) Direção: Joachim Lafosse. Roteiro: Joachim Lafosse e François Pirot. Elenco: Isabelle Huppert, Jérémie Renier, Yannick Renier, Kris Cuppens, Patrick Descamps. Drama. 105 min. (Cor).

“Propriedade Privada” drama do diretor belga Joachim Lafosse, retrata o processo complicado quando os filhos finalmente devem sair do abrigo dos pais para seguirem seus próprios caminhos.

Thierry e François (interpretados pelos irmãos de verdade Jérémie Renier e Yannick Renier) não são mais crianças, muito pelo contrário. Mas o fato de morarem longe do pai em um casarão restaurado no campo talvez os impeça de sair debaixo da asa da mãe, Pascale (Isabelle Huppert, de “A Professora de Piano”). O pai envia dinheiro, a mãe vai até a cidade quando precisam de algo. Uma vida cômoda para os dois, que fazem praticamente tudo juntos: dividem a banheira, a cama e até as brincadeiras libidinosas com a mãe, enquanto essa se arruma para sair.

propriedadedois

Pascale sente que já pode deixar os filhos andarem com as próprias pernas. Ao lado do namorado, ela pretende abrir uma pousada nos Alpes e então declara que planeja vender a casa. E é só o anúncio da vontade de vender a residência ser feito que a sintonia praticamente inabalável de Thierry e François se despedaça: o primeiro se mostra intransigente como o pai, enquanto o outro fica ao lado da mãe.

Apesar de não soar palatável numa primeira conferida, “Propriedade Privada”, que fez parte da seleção oficial do Festival de Veneza, revela-se como uma dura crítica à estagnação da elite européia e à falta de perspectiva da juventude do Velho Continente, como também uma metáfora para o sentimento de posse do ser humano: seja material ou sentimental.

André Azenha
Jornalista por formação, crítico de cinema, produtor cultural, pesquisador, curador, assessor de imprensa. Criou o CineZen em 2009. Colaborou com críticas semanais nos jornais Expresso Popular e quinzenais no jornal A Tribuna. Colabora semanalmente com a Rádio Santos FM. Escreveu entre 2012 e 2017 para o blog Espaço de Cinema no G1 Santos. Criador e coordenador do Santos Film Fest - Festival Internacional de Filmes de Santos, CulturalMente Santista - Fórum Cultural de Santos, Nerd Cine Fest e PalafitaCon. Em 2016 publicou o livro "Histórias: Batman e Superman no Cinema". Já colaborou com sites, revistas e jornais de diversas partes do país. Realizou 102 sessões de um projeto de cinema itinerante. Atualmente participa do projeto Hora da Cultura, pela Secult Santos, levando sessões de filmes e bate-papos às escolas da rede municipal. Mestrando em Comunicação pela Universidade Anhembi Morumbi. Escreveu sobre cinema para sites, jornais e revistas de Santos, São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Limeira e Maceió. www.facebook.com/andreazenha01

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *